29 março 2011

Hoje, é dia 29, e tu sabes o que isso significava.
Esperava estar pior, esperava apetecer me chorar de novo, gritar e dizer: Obrigada pelo que me fizeste.
Mas queres saber uma coisa? Não me apetece nada disso, consigo estar bem-disposta.
Não me vou aborrecer por uma pessoa que já não me diz nada. Ou melhor, secalhar até diz.
Diz que é uma memória longínqua, de tempos em que eu me deixava seduzir por um simples sorriso ou olhar; diz que é memória do que de melhor e pior me aconteceu.
Diz que é pó que eu dezfiz entre mãos e larguei ao sabor do vento, vento esse que não voltará. Vento esse que, sabe-se lá, por onde andará...

Muito Obrigada pelos 47 dias sem ti, valeram por muitos que estiveste comigo 



CARTOON STYLESJohanna Lay

17 comentários:

Marina Sofia disse...

Força nisso. ás vezes nós complicamos as coisas. estás a inspirar-me (: ; gostei do blog :D

Rita disse...

Dias que já me disseram muito hoje passam por mim e já não dizem nada... O tempo cura tudo :D

Carolina Santiago disse...

Gostei do blog :3
Passa pelo meu c:

Joana Simões disse...

Obrigada querida :D
terei toda a força que conseguir :)

CLÁUDIA SEF. disse...

É o que me estão sempre sempre a dizer e eu, finalmente, percebi. Obrigada ;)

Madalena disse...

muito obrigada (; por acaso também gosto muito das azuis marinho ou então cinzentas *-* são mesmo lindas .

inês disse...

obrigada. adorei o texto :)

Marta ☮ disse...

ATITUDE!

Gonçalo disse...

Força :)

amota disse...

pois, é msm muito mau;
este post caracteriza-se e identifica-se mt comigo, acontece-me exactamnete o msm entre mim e o meu melhor amigo :s é msm mmau sentir isso e o pior é que queremos msp voltar atras e reparamos que já noa vamos a tempo, ensim.. ;OO

Mi disse...

Amei este texto, mesmo :)

LISEE. disse...

mesmo assim :D
força, não deixes ele estragar mais uma vez esse lindo sorriso, sim?

beijinho, lisee (:

amota disse...

entendo perfeitamente, comigo acontece o mesmo.

Marina Sofia disse...

eu sei q nem sp somos nós q complicamos. mas admitemos.. nós muitas vezes, muito normalmente, ñ vemos o q é real por ñ acreditarmos no q nos está a acontecer. e depois perdemos o q mais gostamos.

Marina Sofia disse...

inspiraste-me mesmo. qerida é vc :D

calina disse...

gostei ;)

Joana Silva disse...

Adoro mesmo (: