15 junho 2012

Fall for you* VI

O conto do individual
Na verdade, quando estamos juntos, é o teu coração que me acalma. Tem a capacidade de se fazer ouvir, bem junto ao meu ouvido. E a paz a que o meu corpo se submete é brutal. A tua respiração sobre a minha pele, a mão na face, os meus cabelos entre os teus dedos. Não te conheço de outra maneira. Este é o meu verdadeiro amor.