04 janeiro 2015

FACULDADE - "Arriscar e não ter medo de falhar"


A propósito do post anterior, esta semana fomos novamente para o terreno preparar uma mini reportagem, também para a aula de Laboratório de Jornalismo esta semana. 
Desta vez o desafio foi sair de Lisboa, procurar algo desconhecido, para lá do óbvio, do habitual.
Fomos até à aldeia de uma colega de curso - Vale do Paraíso.
Nisto do jornalismo é importante absorver tudo, os cinco sentidos completamente alerta, uma visão de tudo, uma abertura ao mundo que nem todos têm capacidade. Ir para a rua cria-me borboletas na barriga; é fora de portas que encontramos a matéria prima para neste curso e na profissão.
A pequena aldeia de Vale do Paraíso na Azambuja é diferente da realidade. E isso é muito importante no Jornalismo de hoje em dia. 
Ser diferente marca a diferença. Procurar pontos chave para oferecer diversidade aos leitores é essencial. Estamos fartos de ouvir sobre os mesmos locais. O público espera a novidade.
Arriscar e não ter medo de falhar. Tento levar esta frase comigo. Já falhei algumas vezes e sei que ainda falharei muitas mais. 
Mas o que me dá prazer é esta viagem de aprendizagem; este contacto com o mundo, a construção da nossa opinião através daquilo que os nossos olhos vêe. 
Apesar de ser trabalhoso, apesar dos dias em que as palavras não saem, escrever e aprender desta forma enche-me o coração.

4 comentários:

Marisa Costa disse...

Fico muito feliz por ti :)
É ao errar que vamos crescendo!

Cláudia S. Reis disse...

Estás no excelente caminho :) Boa sorte!!

R* disse...

Opá essa visão é aquela que é preciso na atualidade!!! :)
Aposta tudo e sê sempre uma boa profissional :)

Ariana Maria disse...

Confesso que é bom saber que uma futura profissional em jornalismo pensa assim, em dar novidade ao publico e não mais do mesmo (normalmente noticias sensacionalistas) :)