02 julho 2014

E o carro?


Desde que recebi o carro, nos meus anos, tenho conduzido.
Tanto que o carro, nas minhas mãos, já tem cerca de 700 km (!!!) percorridos.
Mas hoje foi o primeiro dia em que me aventurei sozinha. Tenho andado constantemente com o meu pai, é ele o meu co-piloto, que dá dicas e sugestões para melhorar cada vez mais a minha condução.
Mas hoje achei que a ida ao supermercado merecia uma boa dose de coragem, pé no acelerador e mão na mudança!
Esta fase é engraçada, porque ando super cuidadosa, ponho-me a cantarolar até, numa de relaxa-miúda-que-isto-é-tudo-sem-stresses. 
E funciona bem! Senti-me um pouco nervosa hoje, sozinha, mas é normal. 
Tenho que me habituar porque na verdade, quando vamos acompanhados, o trabalho e a responsabilidade de conduzir continua a ser nossa. Ninguém vai no nosso lugar por nós.
Sei que daqui a uns tempos, quando tiver (ainda) mais segura de mim, ainda me vou rir com esta fase do: cinto de segurança: check, dar à chave: check, primeira: check, travão de mão: check, arrancar em segurança: check!
Fases, todos vivemos de fases, e esta é daquelas que nos ensina e torna-nos (ainda) mais responsáveis.

2 comentários:

Leonor disse...

Quando comecei a conduzir sozinha, também tinha tendência para cantar :)

Samara disse...

Eu tirei a carta à uma semana e prefiro andar sozinha, ando mais à vontade e já andei bastante até xD
R: É verdade!